4.11.08

crt x lcd

Como todos sabem, gosto muito de fotografia. Para quem gosta disso, um bom monitor é essencial.

Nunca me convenci com a qualidade dos monitores de cristal líquido encontrados no mercado. O tal do ângulo de visão, para mim, é uma ofensa. É inadmissível ter que ficar "caçando a normal" com a cabeça.

Pedir informação para vendedores, então, complicado. Geralmente eles não têm a devida informação. Sua missão é "vender a qualquer custo".

Informação de qualidade na internet, mesma coisa. Erro grave, porque às vezes a gente realmente acha essa informação. É só fazer a "pesquisa certa".

Dessa forma, resolvi comprar um monitor de CRT recentemente. Não foi o melhor monitor do mundo, mas não me arrependo. Não é tela plana, não tem uma resolução muito alta, ocupa 3/4 da minha mesa (mal resta espaço para o teclado), pesa uns 15 kg, consome uns 80 W, tem cintilação em altas resoluções... Paguei R$ 239,00 (essa é para os que me dizem que "o LCD tem menor custo de produção que o CRT...)

... enfim, me senti o conservador dos conservadores. Me senti andando na contra-mão da humanidade. Porém, a qualidade da imagem é irretocável (dentro do que eu esperava). Não faz sentido falar em "Ângulo de visão" para esse tipo de tecnologia: a imagem simplesmente "aparece". É como olhar para uma imagem impressa.

Para quem quer tem que ficar muitas horas na frente de um monitor, concordo que o LCD seja melhor devido à ausência de cintilação (flicker) e à (questionável) ausência de radiação prejudicial. Mas, pra fotos, não tem o que falar.

Aí, hoje, resolvi fazer "a pesquisa certa" no google, a respeito dessa questão.

Pesquisei por "monitores editoração gráfica" (sem aspas) e encontrei este blog aqui (recheado de coisas legais), relatando o mesmo descontentamento, porém, trazendo respostas consistentes. O abençoado teve mais paciência do que eu, para fazer esta pesquisa. Só tenho a agradecê-lo.

Qual é o melhor monitor LCD do mundo, de baixo custo?

(...) no mercado brasileiro há apenas dois modelos de monitores LCD que não são equipados com o terrível painel “TN Film”, um painel de baixo custo para atender o usuário médio que está atrás de preço e não de qualidade. (Otário no bom linguajar popular).


Ele tem outro post de igual importância: O que os fabricantes de LCD tentam esconder de você?

A febre do momento manda você trocar seu velho “tubão” CRT pelos modernosos e finos monitores de LCD. Mas, muitos marinheiros de primeira viagem têm visto os seus sonhos frustrados porque esperavam um novo mundo em termos de imagem e se decepcionam quando descobrem que o velho monitorzão de tubo dava muito mais em termos de acuidade de cores, rapidez de resposta, número de cores reproduzidas, etc.

Vale a visita.

Um comentário:

Kodi disse...

Putz, eu gosto dos monitores crt, mas os de 42 polegadas são gigantescos demais para colocar 3 lado-a-lado. No meu caso eu precisaria de 6 deles porque somos um casal. Tenho que admitir minha derrota. E falando em monitores, os japas estão lançando um novo tipo mais fino ainda, parecido com um pedaço de vidro. Não tenho informações sobre a tecnologia, mas é bem futurístico - pode ser até minha imaginação...